Popularização do mal

31/01/2017

Olá amigos,

Só a título de esclarecimento e aviso a todos, com a ampla divulgação da raça Akita, depois do filme “Sempre ao seu lado” – a raça passa por uma popularização(sempre perigosa, vide pastor alemão entre outras raças).Ou seja todo mundo quer ter um Akita, lindo, de pelagem impecável, pedigree perfeito, com cara de cão de exposição, nem sempre pode ou quer pagar o que um cão destes vale realmente pelo trabalho sério do bom criador ético e comprometido com a raça e isto traz consequências ao cão e ao novo proprietário.

Tem canil aparecendo do nada em pencas, o “criador” poe um site na internet, um anúncio na Mercado Livre(nada contra o ML) e sai vendendo “Akitas puros, de linhagem de campeões”, alguns percebe-se de cara que não sabem o que estão fazendo e nem tem noção de criação da raça Akita em sí, genética, comportamento ou de padrão da raça, alguns até compram alguns Akitas de bons canis e saem tirando ninhadas a torto e direito sem critério de seleção do pedigree ou dos temperamentos.

O resultado nós do Clube do Akita estamos vendo no dia a dia, uma enxurrada de emails com dúvidas das mais simples, até as mais preocupantes, cães com doenças genéticas, com problemas de comportamento, com agressividade excessiva ou medo excessivo, doenças de pêlo, de pele, orelhas caídas, coceiras, olhos azuis, cores e tipos fora do padrão, dermatoses e porai vai.

Vale a ressalva, caso você deseje ter uma Akita de qualidade, pesquise antes os canis, senão tiver condições financeiras para um Akita “Top de Linha” de canil sério, registrado, conceituado, que vai sair em torno de 2 a 3 mil reais a preço de hoje, converse com o criador, criem junto com ele um plano de pagamento do tipo você vai pagando o filhote até a entrega, faça um contrato com os termos do acordo, para minimizar os riscos de sua família e o cãozinho sofrerem depois, com a falta de escrupulos de alguns.

E olha que tem muito picareta bom de papo e bom de marketing porai, tá cada vez mais dificil perceber quem é o mau “criador” e quem é o picareta oportunista.

Clube do Akita – O Guardião Japonês